Governo da Madeira aprova voto de pesar pela morte de Horário Roque


 

Lusa / AO online   Nacional   20 de Mai de 2010, 18:14

O conselho do Governo Regional da aprovou esta quinta-feira um voto de pesar pela morte do banqueiro Horácio Roque, considerando que o fundador do Banif foi "decisivo na evolução da Madeira após a autonomia política".
Na reunião semanal, hoje presidida por Alberto João Jardim, o executivo madeirense destaca "a capacidade de iniciativa e de gestão do banqueiro e empresário", que morreu quarta-feira na sequência de um AVC ocorrido em Março, considerando que o seu trabalho "muito contribuiu para o desenvolvimento da economia nacional e para a criação de emprego".

Para o governo regional, Portugal deve a Horário Roque "imensos contributos que permitiram dignificar a vida de muitas pessoas, como o funcionamento de várias instituições".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.