Açoriano Oriental
Escola
EBS das Lajes do Pico

“Cidadania: Um Caminho para a Sustentabilidade!”


2020-03-02_11-00-34 (1)

 

Estão a decorrer, entre 2 e 20 de março, as IX Jornadas Interdisciplinares da Escola Básica e Secundária das Lajes do Pico. No passado dia 2 de março, realizou-se a sessão de abertura que contou com a presença do Exmo. Sr. Diretor Regional da Educação, Rodrigo Reis. Desde o seu nascimento em 1996, as jornadas pautam-se pela sua atualidade, pertinência, diversidade e qualidade, sendo já uma tradição de grande importância para esta comunidade educativa.

Dentro do contexto em que se insere, a EBS das Lajes do Pico elegeu o tema “Cidadania: um caminho para a sustentabilidade!”. Pretende-se que seja um encontro para a reflexão, partilha e debate sobre a escola, a sua posição local e global e que permita dotar os participantes de ferramentas que possibilitem a adaptação a um desenvolvimento mais sustentável e a uma cidadania mais empenhada. Um espaço de natureza diversificada, assente numa lógica interdisciplinar e de integração de saberes, onde as temáticas trabalhadas pretendem realçar o trabalho que se tem desenvolvido na escola.

Serão três semanas de atividades destinadas a todos os níveis de ensino, desde a Educação Pré-Escolar ao 12.º ano de escolaridade, não esquecendo o pessoal docente e não docente e toda a comunidade educativa. Não podíamos deixar de destacar a presença das escritoras Goretti Pina e Flávia Medeiros, bem como as responsáveis pelo projeto Canta Comigo, Leio Contigo, Anabela Cura e Alda Fernandes.

Segundo as palavras do Sr. Presidente do Conselho Executivo, Rafael Pereira, ambiciona-se uma escola que se imponha pelo prestígio, brio profissional e generosidade dos seus professores, que se afirme pela eficácia do seu ensino, que se faça respeitar pela nobreza e dignidade dos seus valores, que inscreva no tempo uma história de êxitos e de recordações tais, que vocês alunos de hoje, pais de amanhã, aqui voltem com os vossos filhos, porque o tempo que aqui passaram foi um tempo de boa memória, que de facto deixou marcas e enraizou conceitos, condutas e formas de estar que levaram cada um a compreender o significado da sua existência e a ter consciência de que todos somos igualmente importantes na construção de um mundo melhor.

Pretende-se com estas IX Jornadas proporcionar aos alunos, professores, pessoal não docente, pais e famílias uma reflexão alargada, numa região que dependerá em grande medida no futuro daquilo que se consiga fazer nesta escola todos os dias, capacitando-a de facto para formar “Pessoas com sucesso(s), numa escola de sucesso(s): um futuro melhor.”

 

AO Escolas

EFTH prepara arranque do 3º Período
Ainda que pelos motivos que se conhecem, o futuro começou a ser reinventado e nada vai fazer parar o plano formativo e pedagógico da EFTH.
 
Escola de Formação Turística e Hoteleira
Iª Feira do Livro da Biblioteca da ESLagoa
Para Voltaire, “A leitura engrandece a alma”. Já, para Saramago, “A leitura é, provavelmente, uma outra maneira de estar em um lugar” e outros há que associam “leitura” a viagem, fonte de prazer, enriquecimento de alma, de conhecimento, de comunicação com o passado ou, simplesmente, uma forma de aumentar o vocabulário e de aprimorar a ortografia. Motivar os alunos para a leitura, visto os inúmeros benefícios que esta acarreta, numa sociedade em que a prioridade são as tecnologias e as redes sociais, tem sido o principal foco da biblioteca da Escola Secundária de Lagoa. Neste sentido, para além de outras atividades que desenvolve ao longo do ano, a biblioteca promoveu, entre os dias 10 e 13 de março, uma Feira do Livro.
 
Escola Secundária da Lagoa
Sentir, pensar, crescer e inspirar em casa!
Urge gerir o tempo. A comunidade educativa está resguardada em casa para combater a propagação do Covid-19. Mas não há razão para baixar as mãos, o ecrã do computador poderá ser um meio para nos mantermos ligados, colaborarmos e aprendermos.
 
Escola Secundária da Lagoa

Notícias AO

São expectáveis novas cadeias de transmissão nos Açores
O responsável da Autoridade de Saúde Regional dos Açores, Tiago Lopes, considerou esta sexta-feira que é expectável que surjam novas cadeias de transmissão local do novo coronavírus no arquipélago, onde existem 66 casos confirmados da covid-19.
 
População das Sete Cidades diz que “Deus vai ajudar” a acabar com o "xaile negro"
Ilda Sousa está “muito preocupada” com o que a covid-19 pode gerar nas Sete Cidades, onde habita, mas convicta de que “Deus vai ajudar”, afirmando que foi como um “xaile negro” que caiu sobre a freguesia açoriana.
 
Entre Vila Franca do Campo e Lagoa poucos procuraram passar a cerca sanitária
Na primeira manhã após a imposição de cercas sanitárias em São Miguel para conter o surto de covid-19, os poucos condutores que procuraram passar entre Vila Franca do Campo e a Lagoa não tiveram grandes dificuldades.
 
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.