Municípios

Transferência de competências justifica recrutamento de pessoal pelas Câmaras


 

Lusa/AO online   Nacional   13 de Set de 2010, 17:12

A Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) atribui à transferência de competências, nomeadamente na educação, o aumento de contratações de funcionários pelas Câmaras no ano passado e salienta que o limite de endividamento das autarquias não foi ultrapassado.
“Temos de ver os casos município a município, mas uma boa parte desse aumento de recrutamento de pessoal por parte das autarquias deve-se à transferência de competências, nomeadamente na área da educação”, justificou Rui Solheiro, vice-presidente da ANMP. “Há transferências de competências que, nalguns casos, implicam recrutamento de pessoal e transferência de pessoal da administração central para a local”, adiantou.

O autarca destacou que “há uma imposição legal que não permite que as autarquias tenham qualquer aumento do seu endividamento” e garantiu que “não haverá contributo nenhum para o défice público por parte das autarquias portuguesas”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.