Segurança

PSP autorizada a usar vigilância por câmaras de vídeo durante cimeira da NATO


 

Lusa/AO online   Nacional   10 de Nov de 2010, 11:09

O ministro da Administração Interna autoriza a PSP "a utilizar sistemas de vigilância por câmaras de vídeo no âmbito da operação de segurança" relacionada com a Cimeira da NATO.
Em comunicado enviado à agência Lusa, o gabinete de Rui Pereira indica que "o parecer da Comissão Nacional de Protecção de Dados relativo a esta matéria deu entrada no Ministério da Administração Interna hoje mesmo", possibilitando o recurso à videovigilância por parte da PSP no âmbito da operação relativa à Cimeira da NATO, que decorre em Lisboa nos próximos dias 19 e 20.

O ministério recorda que solicitou aquele parecer a 04 de Novembro de 2010, "na sequência de uma proposta técnica enviada, também em 04 de Novembro de 2010".

Já "as circunstâncias de tempo, lugar e modo de utilização do sistema [de videovigilância] são classificadas por razões de segurança", acrescenta o ministério no mesmo comunicado.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.