OPA

Concorrência dá luz verde à compra do Finibanco pelo Montepio


 

Lusa/AO online   Economia   25 de Out de 2010, 18:16

A Autoridade da Concorrência (AdC) autorizou esta segunda-feira a operação de concentração entre o Montepio e o Finibanco, considerando que a mesma não cria, nem reforça, uma posição dominante que traga entraves à concorrência no sector financeiro.
"A Autoridade da Concorrência decidiu não se opor à concentração Montepio/Finibanco, notificada pelo Montepio na sequência do anúncio preliminar de lançamento da oferta Pública de Aquisição (OPA) geral e voluntária sobre as acções representativas do capital social do Finibanco, por entender que a mesma não é susceptível de criar ou reforçar uma posição dominante da qual possam resultar entraves significativos à concorrência efectiva nos mercados identificados", anunciou hoje a AdC.

O Montepio comunicou a OPA à CMVM no final de Julho, oferecendo 1,95 euros por cada acção do Finibanco, num total de 341,25 milhões, condicionando a oferta à compra de pelo menos 75 por cento do capital.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.