CDS-PP considera "tardia e coxa" remodelação do Governo dos Açores

CDS-PP considera "tardia e coxa" remodelação do Governo dos Açores

 

Lusa/AO Online   Regional   7 de Jul de 2014, 12:12

O líder do CDS/PP-Açores, Artur Lima, considerou hoje "tardia e coxa" a remodelação do Governo Regional, anunciada no domingo pelo executivo socialista de Vasco Cordeiro.

Em declarações à agência Lusa, Artur Lima considerou que o PS "já não tem capacidade de renovação" e lamentou que tenha de recorrer a "velhas glórias", algumas das quais apresentam já, no seu entender, uma imagem "desgastada".

"É, portanto, uma remodelação tardia e coxa, feita com velhas glórias do PS, que não me parece que traga grandes mudanças de política", apontou o dirigente do CDS, que entende que o presidente do Governo Regional dos Açores deveria ter feito uma remodelação "mais profunda".

Artur Lima disse ainda que esta remodelação "vem dar, por um lado, razão ao CDS", que já tinha efetuado três interpelações ao Governo açoriano, no parlamento da região, nas áreas sociais, da educação e da saúde, que considerava não estarem a funcionar bem.

"O senhor presidente do Governo [Regional] substituiu o secretário regional da Solidariedade Social e da Educação, apenas faltou substituir também o secretário regional da Saúde", afirmou.

No seu entender, a criação de novas secretarias regionais revela ainda que o Governo dos Açores "começa a engordar", apenas dois anos após a tomada de posse, e que, por este andar, depressa ficará "obeso".

A remodelação do Governo dos Açores anunciada no domingo prevê a criação das Secretarias do Mar e dos Assuntos Parlamentares e a substituição dos titulares das pastas da Solidariedade Social e da Educação.

A atual deputada socialista no parlamento açoriano Isabel Rodrigues, de 49 anos, é a nova secretária Regional Adjunta da Presidência para os Assuntos Parlamentares, cargo que não existia até agora no Governo dos Açores.

Por outro lado, surge a Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, que terá à frente Fausto Brito e Abreu, de 43 anos, que já foi conselheiro para os Assuntos de Ambiente, Clima e Política Marítima na Representação Permanente de Portugal junto da União Europeia.

Por causa desta mudança, a Secretaria Regional dos Recursos Naturais passa a designar-se Secretaria Regional da Agricultura e Ambiente.

Por outro lado, Piedade Lalanda é substituída na pasta da Solidariedade Social por Andreia Costa, de 38 anos, que já foi presidente da câmara de Angra do Heroísmo, diretora regional da Solidariedade e Segurança Social e presidente do Instituto de Ação Social e do Centro de Gestão Financeira da Segurança Social.

Também Luiz Fagundes Duarte deixa a pasta da Educação e Cultura, que passa a ter como titular Avelino de Freitas de Meneses, 55 anos, que foi reitor da Universidade dos Açores de 2003 a 2011.

O XI Governo dos Açores, presidido pelo socialista Vasco Cordeiro, tomou posse em novembro de 2012.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.