Açores lançam concurso para transporte de passageiros em horário noturno e ao fim de semana

Açores lançam concurso para transporte de passageiros em horário noturno e ao fim de semana

 

LUSA/AO online   Economia   15 de Mar de 2017, 15:26

O Governo dos Açores vai lançar um concurso para transporte coletivo de passageiros, regular e contínuo, em horário noturno e ao fim de semana na ilha de São Miguel, anunciou hoje o secretário dos Transportes e Obras Públicas

"Até ao final do primeiro quadrimestre de 2017, lançaremos o concurso para os serviços de transporte coletivo de passageiros, regular e contínuo, em horário noturno e ao fim de semana na ilha de São Miguel, alargando o circuito Ponta Delgada/Lagoa até Vila Franca do Campo e criando um novo circuito Ponta Delgada/Arrifes/Relva no horário noturno”, afirmou Vítor Fraga.

O governante discursava no plenário do parlamento açoriano, na Horta, ilha do Faial, que hoje continua a debater as propostas de Plano e Orçamento para 2017, ocasião em que adiantou que o Governo Regional vai “reorganizar a rede de transportes públicos terrestres e melhorar as infraestruturas de apoio”.

“Neste domínio, pretende-se continuar a assegurar os serviços de transporte regular coletivo de passageiros, o sistema de passe social e a realização de ações e campanhas de prevenção e segurança rodoviária”, referiu.

No âmbito dos transportes aéreos, Vítor Fraga declarou que é “notória a necessidade de incrementar a sua eficiência e potenciar as acessibilidades instaladas”, sendo que “tais ações passam, desde logo, pela promoção de uma revisão das obrigações de serviço público para as ‘gateways’ [aeroportos dos Açores com ligações aéreas diretas ao continente português] da Horta, Pico e Santa Maria, procurando assim torná-las ainda mais atrativas”.

O secretário regional garantiu, por outro lado, que o executivo açoriano pugnará “pela conclusão do processo das obrigações de serviço público de carga aérea entre a região e o continente, dando igualmente seguimento ao processo de certificação da base das Lajes para uso civil permanente”.

Já nos transportes marítimos, Vítor Fraga explicou que o objetivo passa por “dar continuidade ao serviço de transporte de passageiros e viaturas interilhas e proceder ao lançamento do concurso público destinado à aquisição do primeiro de dois navios adequados à prestação desse serviço”.

“Ao nível do transporte marítimo de carga, pretende-se aprofundar e evoluir o modelo existente para otimizá-lo e reduzir custos diretos e indiretos, bem como os tempos de entrega, potenciando assim uma maior competitividade da nossa economia”, salientou.

Aos deputados, o titular das pastas dos Transportes e Obras Públicas deu conta ainda que vai ser feito o “mapeamento de toda a rede de circulação rodoviária regional, caracterizando-a em função do seu estado de conservação, grau de intervenção necessária e cronograma desejável para intervenção e ou manutenção”.

“O Plano para 2017, ao nível dos Transportes, Obras Públicas e Infraestruturas Tecnológicas assume um investimento global de mais de 156 milhões de euros, promovendo uma estabilidade de investimento ao longo dos quatro anos da legislatura”, assegurou o governante.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.