Açores destinam 40% do orçamento regional ao investimento público

Açores destinam 40% do orçamento regional ao investimento público

 

Lusa/AO Online   Regional   21 de Out de 2014, 06:04

O presidente do PS/Açores e do Governo da Região Autónoma, Vasco Cordeiro, destacou na noite de segunda-feira que 40% do orçamento do arquipélago para 2015 se destina ao investimento público.

 

Enquanto nos Açores o plano de investimentos públicos para 2015 absorve 40% do orçamento regional, “no caso da República, as verbas que são direcionadas para o investimento representam cerca de 0,34% do montante total do Orçamento” do Estado, afirmou.

Vasco Cordeiro falava aos jornalistas, como presidente do PS/Açores, à entrada para uma “sessão pública de esclarecimento” organizada pelo partido sobre a proposta de plano e orçamento regional para 2015, em Ponta Delgada.

Este foi o único comentário que Vasco Cordeiro quis fazer em relação à proposta de Orçamento do Estado para 2015, dizendo que falava apenas sobre os documentos orçamentais dos Açores.

A este respeito, enfatizou que a anteproposta de plano, apresentada pelo executivo regional aos parceiros sociais no final de setembro passado, representa “um esforço acrescido de direcionar verbas para o investimento” com o objetivo de ser “um instrumento de apoio às empresas e às famílias” e assim garantir que a região continua a seguir o trajeto de recuperação” e ultrapassará “esta fase de maior turbulência”.

Sobre “a sessão pública de esclarecimento”, a que os jornalistas podiam assistir, mas sem registar as intervenções ou fazer eco delas, Vasco Cordeiro afirmou que se insere “na prática” seguida pelo PS “há largos anos” nos Açores e que se traduz na promoção “do diálogo” com os seus militantes, mas também com os diversos setores sociais e “todos os interessados” nestas questões.

O objetivo é “acolher” e “analisar” opiniões, “chamadas de atenção” ou sugestões, assegurou, sublinhando que o próprio executivo que lidera ouviu os parceiros e todos os partidos antes de elaborar a anteproposta de plano e que agora a bancada do PS no parlamento regional vai ouvir também os parceiros.

A proposta de plano anual de investimento público para 2015 do Governo dos Açores totaliza 731 milhões de euros, mais 11% do que foi aprovado para este ano.

Questionado sobre a possibilidade de o seu antecessor à frente do PS/Açores e do Governo Regional, Carlos César, vir a ser o próximo presidente do Partido Socialista, como têm avançado diversos meios de comunicação social, Vasco Cordeiro disse querer esperar “que se concretize” essa hipótese para depois comentar.

Ainda assim, disse que Carlos César, “pelo seu percurso” e “pelas suas qualidades”, tanto “pessoais” como “políticas”, tem “todas as condições e mais algumas” para ocupar “este e outros cargos de relevo”, o que, por outro lado, “também enobrece e orgulha os Açores”.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.