Saúde

Vírus da gripe A "eclipsou-se" diz Francisco George

Vírus da gripe A "eclipsou-se" diz Francisco George

 

Lusa / AO online   Nacional   26 de Mar de 2010, 15:40

O director geral da Saúde, Francisco George, afirmou que a gripe A (H1N1), que matou 122 pessoas em Portugal, "eclipsou-se", mas deverá voltar a ser o vírus prevalente, a partir do outono.
“Neste momento, não registamos actividade por gripe A, com excepção da Região Autónoma dos Açores. O vírus eclipsou-se na sua quase totalidade”, afirmou Francisco George na apresentação dos dados registados em Portugal sobre a pandemia de gripe A (H1N1) até à sexta semana de 2010.

A gripe sazonal foi residual e mais de 99 por cento dos casos registados eram gripe A, que atingiu sobretudo jovens adultos.

Os dados da Direcção Geral da Saúde indicam que 73 por cento dos casos ocorreram em jovens até aos 29 anos, 38 por cento dos quais em menores até aos 10 anos, 22 por cento entre os 10 e os 19 e 13 por cento em adultos entre os 20 e os 29 anos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.