Vasco Cordeiro destaca presença de Medeiros Ferreira em "momentos marcantes" da autonomia

Vasco Cordeiro destaca presença de Medeiros Ferreira em "momentos marcantes" da autonomia

 

Lusa/AO Online   Regional   1 de Jul de 2015, 07:48

O presidente do executivo açoriano declarou na terça-feira que Medeiros Ferreira fica ligado, como deputado à Assembleia da República, a "momentos marcantes" da autonomia dos Açores como as revisões constitucionais e a lei de finanças regionais.

“Do ponto de vista político, Medeiros Ferreira está ligado, desde logo como deputado à Assembleia da República, a momentos particularmente marcantes da nossa autonomia, como as revisões constitucionais da década de 90 e a revisão constitucional de 2004 também”, declarou Vasco Cordeiro.

No âmbito de uma homenagem ao antigo ministro dos Negócios Estrangeiros, realizada em Ponta Delgada, o chefe do executivo regional destacou também o papel desempenhado por Medeiros Ferreira na Lei de Finanças das Regiões Autónomas como deputado na Assembleia da República, em 1998.

Vasco Cordeiro considerou que se está perante razões de sobra para que Região Autónoma dos Açores esteja “grata e reconhecida” ao contributo do também antigo eurodeputado para a consolidação do sistema político regional.

O responsável pelo Governo dos Açores questionou-se ainda sobre o que diria Medeiros Ferreira sobre a crise com que a União Europeia está confrontada, que ainda, disse, tem a designação de união.

“Há duas formas de encararmos o legado de José Medeiros Ferreira, uma das quais é considerar que este estará para sempre na nossa memória, para que possamos recordá-lo e enaltecê-lo, reconhecer aquilo que foi feito”, disse Vasco Cordeiro.

O presidente do executivo dos Açores gostaria, contudo, de considerar o legado de Medeiros Ferreira como “fonte de inspiração” para os dias que se vivem, destacando a esperança de que, apesar de tudo, o caracterizava na sua relação com as dinâmicas à sua volta, que fazia dele uma personalidade impar.

Vasco Cordeiro destacou que Medeiros Ferreira “não é apenas um açoriano que teve uma “carreira brilhante no continente”, mas sim alguém que no continente nunca esqueceu os Açores nas suas diversas vertentes, como a política e académica.

O líder do executivo açoriano considerou que com o seu desempenho, nas suas diversas facetas, apesar de fora dos Açores, Medeiros Ferreira contribuiu para o desenvolvimento e progresso da região.

Na sequência do seu falecimento em 2014, um grupo de amigos de Medeiros Ferreira lançou, com a chancela da editora “Tinta da China”, um livro que reúne mais de 100 testemunhos e declarações de personalidades da política e do pensamento português, entre as quais três Presidentes da República e quatro presidentes da Assembleia da República.

A obra denomina-se “José Medeiros Ferreira: A Liberdade Interventiva”.

Apesar de ter nascido no Funchal, Medeiros Ferreira esteve toda a vida ligado aos Açores, de onde são oriundos os seus pais, designadamente da freguesia da Fajã de Cima, a cerca de cinco quilómetros de Ponta Delgada.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.