Um quinto dos consumidores pretende comprar eletrodomésticos


 

Lusa/AO online   Economia   7 de Ago de 2017, 19:01

Quase 20% dos consumidores portugueses pretendem comprar eletrodomésticos este ano, intenções que são praticamente o dobro do valor registado no ano passado, revelam dados do Cetelem.

De acordo com o Observador Cetelem 2017, que se baseia numa amostra representativa de 600 indivíduos, "19% dos consumidores nacionais pretendem comprar eletrodomésticos este ano, valor quase o dobro do manifestado no ano passado, e igual destaque e semelhante crescimento (19%) tem a vontade de remodelar e decorar a casa".

"Os portugueses querem produtos e serviços que sejam importantes para as suas casas e estão a aproveitar este momento de melhoria económica para substituir equipamentos e melhorar o seu bem-estar", considera o diretor de Distribuição do Cetelem, Pedro Camarinha, citado na informação divulgada.

No topo dos planos de compra estão também produtos de bricolage (13%) e mobiliário (9%), categorias que registam valores superiores na comparação com o ano passado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.