UE saúda acordo para recontagem dos votos nas presidenciais no Afeganistão


 

Ao/Lusa   Internacional   13 de Jul de 2014, 11:11

A União Europeia manifestou este domingo a sua satisfação pelo acordo alcançado entre os dois candidatos às eleições presidenciais do Afeganistão relativamente à realização de uma auditoria aos resultados eleitorais.

 

"Damos as boas-vindas ao acordo entre os candidatos afegãos às presidenciais, Abdulah Abdulah e Ashraf Gani Ahmadzai, para que haja uma auditoria global dos resultados" das eleições, disse o Serviço Europeu de Ação Externa, em comunicado.

Esse acordo, diz o texto, "é uma confirmação dos vossos desejos de cumprir com as aspirações democráticas do povo afegão e restaura a confiança no processo eleitoral".

Abdulah Abdulah e Ashraf Gani concordaram no sábado realizar uma auditoria a todos os votos depositados no âmbito das eleições no Afeganistão, um acordo que foi alcançado com a mediação do secretário de Estado norte-americano, John Kerry.

O processo de recontagem de todos os votos vai demorar "várias semanas" e será supervisionado pela NATO, de acordo com Kerry e os candidatos, que deram no sábado uma conferência de imprensa na capital, Cabul, para anunciar o acordo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.