Liga Zon Sagres

Sporting vence União de Leiria com dois golos de Valdes

Sporting vence União de Leiria com dois golos de Valdes

 

Lusa/AOnline   Futebol   31 de Out de 2010, 20:54

Dois golos do chileno Valdes deram a vitória ao Sporting frente à União de Leiria (2-1), em jogo disputado no Estádio Municipal de Leiria relativo à nona jornada da Liga de futebol

A equipa de Paulo Sérgio conseguiu a quarta vitória consecutiva com um triunfo justo num campo onde não ganhava para a Liga desde março de 2006. A União de Leiria somou a quarta derrota seguida e sofreu o primeiro desaire da época em casa para o campeonato.

O jogo foi bastante interessante, sobretudo durante a primeira hora. As duas equipas protagonizaram uma partida com ritmo, muitas oportunidades e golos.

A União de Leiria chegou primeiro à baliza contrária, com Carlão, aos dois minutos, a rematar por cima da baliza de Rui Patrício. Mas o Sporting respondeu rapidamente, num remate de Valdes ao lado, no primeiro sinal do que estava para vir.

O chileno foi a surpresa de Paulo Sérgio em Leiria, surgindo no apoio ao único avançado da equipa, Hélder Postiga, e constituiu a aposta decisiva no desfecho do jogo.

Aos 14 minutos, Postiga fugiu na esquerda, cruzou para a área, Valdes dominou de peito e fez o primeiro golo do jogo, estreando-se a marcar na Liga.

O Sporting adiantava-se no marcador e dominava o jogo, mas a União de Leiria desdobrava-se bem no ataque, com Carlão e N'Gal.

Aos 20 minutos o empate esteve perto, num remate por cima de Zé António, mas o 1-1 surgiu dois minutos depois. Panandetiguiri subiu, ganhou um ressalto na área do Sporting e serviu Carlão para o quarto golo consecutivo do brasileiro na Liga.

Aos 41, Gottardi não teve qualquer hipótese num remate forte e surpreendente de Valdes. De fora da área e descaído sobre a esquerda, o chileno fez o 2-1 com um remate vistoso.

A dupla N'Gal/Carlão quase conseguiu o empate ainda antes do intervalo, mas o brasileiro falhou a emenda a um cruzamento do camaronês.

Apesar das mexidas contrárias, o Sporting entrou na segunda parte mais perigoso, com Postiga particularmente ativo no ataque.

Os “leões” tornaram-se ainda mais perigosos. Postiga esteve particularmente ativo no ataque, mas destacou-se pela falta de eficácia e até por evitar um golo da sua equipa: aos 54, Vukcevic cabeceou para a baliza, mas o avançado, junto à linha de golo, impediu a bola de entrar. Na recarga, Maniche desperdiçou nova oportunidade clara.

A 15 minutos do fim, Pedro Caixinha lançou Zhang, que na temporada passada, ao serviço do Mafra, marcou três golos ao Sporting na Taça de Portugal. O chinês não foi a “arma secreta” que os leirienses precisavam, até porque nos minutos finais a equipa ficou sem Marco Soares, que saiu de lesionado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.