Quatro voos cancelados nos Açores devido a vento forte

Quatro voos cancelados nos Açores devido a vento forte

 

Lusa/AO Online   Regional   5 de Fev de 2017, 19:30

A companhia aérea SATA cancelou hoje quatro voos interilhas nos Açores, devido ao agravamento do estado do tempo, que obrigou outro avião a divergir de rota, segundo o porta-voz da empresa, António Portugal.

Os voos interilhas Horta-Flores-Horta e Terceira-Graciosa-Terceira foram cancelados, enquanto o voo da Azores Airlines, que assegura as ligações para fora do arquipélago, Lisboa-Terceira divergiu para Ponta Delgada, na ilha de S.Miguel.

Segundo António Portugal, os passageiros das ligações interilhas serão protegidos em voos a realizar na segunda-feira.

Quanto aos passageiros do voo de Lisboa para a Terceira, que divergiram para São Miguel, alguns irão ainda hoje para a Terceira e os outros seguirão também na segunda-feira.

O voo de regresso da Terceira para Lisboa, da Azores Airlines, também não se realizou, porque a aeronave não conseguiu aterrar na Terceira, mas os passageiros serão acomodados num voo da TAP, seguindo ainda hoje para Lisboa.

As ilhas dos grupos ocidental (Flores e Corvo) e central (Terceira, Graciosa, São Jorge, Pico e Faial) estão sob aviso laranja, referente à rajada máxima de vento, até às 23h00 locais (00h00 de segunda-feira em Lisboa), podendo registar rajadas de 100 km/hora, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

As Flores e o Corvo mantêm-se sob aviso amarelo devido à rajada máxima de vento, entre as 23h00 e as 05h00 de segunda-feira, estando também sob aviso amarelo devido à agitação marítima, com uma previsão de ondas de cinco e seis metros, de quadrante oeste, até às 08:00 de segunda-feira.

Nas ilhas do grupo central, o aviso amarelo, devido à rajada máxima de vento, estende-se até às 05h00.

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) recomenda que sejam tomadas medidas de autoproteção, como consolidar os telhados, fechar bem as janelas, guardar objetos soltos, reforçar as amarrações das embarcações e ter especial cuidado na circulação junto à orla costeira.

Também as capitanias dos portos de Santa Cruz das Flores, Horta, Angra do Heroísmo e Praia da Vitória emitiram comunicados a alertar para o agravamento do estado do mar.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.