PSD/Açores convida comissário europeu da Agricultura a conhecer produção leiteira

PSD/Açores convida comissário europeu da Agricultura a conhecer produção leiteira

 

Lusa/AO Online   Regional   18 de Nov de 2015, 18:24

O líder do PSD/Açores convidou o comissário europeu da Agricultura e Desenvolvimento Rural a visitar o arquipélago em 2016 para conhecer a produção leiteira, uma visita que será antecedida por um grupo de peritos.

“Convidei o senhor comissário europeu a ir aos Açores para ver a realidade ‘in loco’”, afirmou Duarte Freitas aos jornalistas após uma reunião, em Bruxelas (Bélgica), com Phil Hogan, acrescentando que esta visita vai ser precedida por um grupo de peritos da Comissão Europeia.

Duarte Freitas, que esteve acompanhado pela eurodeputada açoriana Sofia Ribeiro, referiu ter confirmado "a sensibilidade daquele responsável pelas matérias que preocupam [o arquipélago], nomeadamente no setor do leite, que vive dias de muita aflição nos Açores".

A quota leiteira na União Europeia foi abolida em abril.

O líder social-democrata realçou a garantia recebida de que a União Europeia "já está a trabalhar numa nova forma de compensação aos produtores de leite, findo que está o sistema de quotas leiteiras, exatamente uma solução que o PSD/Açores já propôs em abril", explicou.

"Trata-se de um mecanismo de proteção aos produtores de leite, que os possa apoiar quando os preços baixarem para além de um determinado nível. Pudemos igualmente confirmar uma grande convergência de pontos de vista sobre os problemas que a lavoura açoriana atravessa", acrescentou Duarte Freitas.

Em julho deste ano, o líder do PSD/Açores afirmou ser preciso "acudir" às dificuldades geradas pela queda do preço do leite, considerando incompreensível que continuem por tomar na região medidas que todos defendem há anos, como a criação de um observatório regional do leite, um "lóbi em Bruxelas" e uma associação interprofissional do setor.

Em Bruxelas, Duarte Freitas referiu que "a revisão em curso do POSEI [programa destinado às regiões ultraperiféricas] poderá atenuar, de facto, alguns desses problemas”, pelo que “a compensação face aos avultados investimentos que os produtores têm feito poderá acontecer a breve trecho”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.