Proveitos da hotelaria caem 2% até setembro

Proveitos da hotelaria caem 2% até setembro

 

Lusa/AO online   Economia   15 de Nov de 2012, 10:19

As dormidas nos hotéis estabilizaram nos primeiros nove meses deste ano, aumentando 0,2% face ao período homólogo de 2011, mas os proveitos caíram 2% para 1,5 milhões de euros, segundo estatísticas do INE.

Entre janeiro e setembro, a hotelaria registou 32,5 milhões de dormidas, um valor muito próximo do dos primeiros nove meses de 2011, e acolheu 11,1 milhões de hóspedes, menos 1,2% que no período homólogo anterior, segundo dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Só em setembro a hotelaria registou 4,6 milhões de dormidas, mais 3,6% do que no mesmo mês de 2011, contribuindo para este resultado o ligeiro acréscimo (mais 0,4%) do mercado interno, que inverteu a tendência decrescente verificada há doze meses consecutivos.

O maior contributo foi dos mercados externos, que cresceram 4,9% destacando-se os mercados irlandês, alemão e holandês.

Os proveitos não acompanharam o crescimento das dormidas, caindo em termos homólogos 2,1% os proveitos totais e 0,6% os proveitos de aposento.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.