Protestos contra Governo de Dilma Rousseff registados nos 25 Estados brasileiros

Protestos contra Governo de Dilma Rousseff registados nos 25 Estados brasileiros

 

Lusa/AO Online   Internacional   17 de Ago de 2015, 07:11

Os protestos realizados hoje contra o Governo de Dilma Rousseff verificaram-se em cidades de todos os 25 Estados brasileiros, incluindo Brasília (região centro-oeste), São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte (sudeste), Curitiba (sul), Salvador e Recife (nordeste).

A maior concentração ocorreu na cidade de São Paulo, a partir das 14:00 (18:00 em Lisboa). Segundo a Polícia Militar, 350 mil pessoas participaram no protesto, enquanto o instituto Datafolha calculou que 135 mil pessoas estiveram na avenida Paulista.

Curitiba, no Estado do Paraná, e Manaus, no Amazonas, também receberam protestos durante a tarde, todos pacíficos e sem registo de incidentes de violência. Já em Brasília, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, as manifestações foram de manhã.

Rousseff reuniu-se com quatro ministros de Governo para avaliar as manifestações.

Um dos convocados para o encontro, o ministro da Comunicação Social, Edinho Silva, afirmou que os protestos decorreram dentro da "normalidade democrática", numa nota de apenas uma linha divulgada hoje e citada pela imprensa local.

Esta foi a terceira vez este ano que manifestantes saíram às ruas no país contra a corrupção e o Governo do Partido dos Trabalhadores (PT, de centro-esquerda).

O líder do partido no Senado, Delcídio Amaral, afirmou que os protestos de hoje foram menores do que os anteriores, mas "expressivos", em entrevista à Folha de São Paulo.

Os principais movimentos líderes da manifestação são o "Vem Prá Rua", "Movimento Brasil Livre" e "Revoltados Online", todos de oposição ao Governo atual do país e que defendem a impugnação do mandato de Rousseff.

Grupos que defendem a intervenção militar no país, apesar de minoritários, também participaram nas manifestações, como a União Nacionalista Democrática (UND).

 

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.