Prokopchuka e Masai na São Silvestre da Amadora


 

Lusa/AO   Outras modalidades   18 de Dez de 2007, 17:26

O queniano Moses Masai e a russa Jelena Prokopchuka são as principais figuras da 33ª edição da São Silvestre da Amadora, que tem em Sara Madeira e Leão Carvalho como os portugueses "mais cotados"
O queniano Moses Masai e a russa Jelena Prokopchuka são as principais figuras da 33ª edição da São Silvestre da Amadora, que tem em Sara Madeira e Leão Carvalho como os portugueses "mais cotados".
Leão Carvalho, atleta do Benfica que domingo passado venceu o clássico Prémio do Natal em Lisboa, e que foi o melhor português no Crosse de Oeiras, faz a sua estreia na mítica prova da Amadora num bom momento de forma, pelo que é um dos candidatos ao pódio.
Moses Masai, que no ano passado venceu a prova e que foi quarto no campeonato do mundo nos 10.000 metros (pista) regressa, igualmente, em boa forma e vai medir forças com o russo Yuri Abramov, além dos portugueses Alberto Chaíça, Hermano Ferreira, Mário Teixeira, Manuel Damião, Nuno Costa e Pedro Ribeiro.
Em femininos, o destaque recai na russa Jelena Propkopchuka, que venceu a São Silvestre da Amadora em 2001, 2002, 2002 e 2004, além da portuguesa Sara Moreira, que detém já os mínimos olímpicos para os 3.000 metros obstáculos e que fará também a sua estreia na prova da Amadora.
Ao lado da jovem de 21 anos irá correr Leonor Carneiro, também com os mínimos para os Jogos de Pequim, mas na maratona, além de Dulce Félix, Ana Dias, Inês Monteiro, Fernanda Miranda, Filomena Costa, Ercília Machado e Adélia Elias.
A prova feminina tem início marcado para as 17h00, seguindo-se os masculinos 10 minutos depois, e este ano haverá ainda uma terceira partida, para a estreia da Mini são Silvestre (dois quilómetros), aberta a todos os que queiram participar na prova organizada pelo Desportivo Operário do Rangel.
Na apresentação da prova, que decorreu nos Recreios da Amadora, foram homenageados os atletas João Junqueira (vencedor da São Silvestre em 1992) e Alfredo Brás (vencedor em 1996), além de Jessica Augusto (vencedora em 2006 e segunda em 2005), que não esteve presente na homenagem por estar doente.
O trânsito voltará, à semelhança de anos anteriores, a estar condicionado entre as 16h30 e as 18h00.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.