Primeiro-ministro abre hoje debate quinzenal com intervenção sobre políticas sociais

Primeiro-ministro abre hoje debate quinzenal com intervenção sobre políticas sociais

 

Lusa/AO Online   Nacional   12 de Abr de 2017, 08:41

"Políticas sociais" foi o tema escolhido pelo primeiro-ministro, António Costa, para abrir o debate quinzenal de hoje no parlamento, o primeiro desde a venda do Novo Banco.

Além da venda do Novo Banco à Lone Star, os partidos deverão ainda confrontar o primeiro-ministro com outros temas, tendo o secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa já prometido voltar a questionar António Costa sobre as reformas de pessoas com 40 anos ou mais de descontos.

Este será o primeiro debate quinzenal desde a venda do Novo Banco, anunciada no dia 31 de março.

O ministro das Finanças, Mário Centeno, já respondeu sobre a matéria em plenário da Assembleia da República, num debate de atualidade no dia 5 de abril, quando foi confrontado com críticas dos partidos da oposição, mas também dos partidos que apoiam o Governo.

O PSD tem insistido em desafiar o Governo a esclarecer as dúvidas que considera persistirem sobre o negócio. BE e PCP têm, por seu turno, insistido na ideia da nacionalização daquele banco.

O último debate quinzenal decorreu a 22 de março e foi dominado pela Caixa Geral de Depósitos e também pelo consenso em torno da condenação de todos os partidos às declarações do presidente do Eurogrupo, o ministro holandês das Finanças, Joeren Dijsselbloem, que, numa entrevista, criticou os países do sul que gastam o dinheiro em "mulheres e álcool" e depois pedem ajuda.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.