Paralímpicos Londres2012

Presença na final é já uma "medalha" para Hugo Cavaco

Presença na final é já uma "medalha" para Hugo Cavaco

 

Redação AO/LUSA   Outras modalidades   31 de Ago de 2012, 14:44

O atleta português Hugo Cavaco considerou hoje que a presença na final dos 400 metros T13 (amblíopes) dos Jogos Paralímpicos Londres é "já uma medalha" e garantiu que vai voltar "a dar tudo", como fez durante a eliminatória.

"Não estava mesmo à espera de passar à final, isto, o facto de ter passado à final, é a minha medalha. Dei o que tinha para dar", afirmou o atleta, que conseguiu o quinto tempo da sua série (53,10 segundos), ganha pelo marroquino Mohamed Amguoun com novo recorde paralímpico (49,04).

Na final, marcada para domingo, Hugo Cavaco, que se estreou hoje em competições paralímpicas, promete "dar tudo".

Hugo Cavaco vai ainda disputar as eliminatórias dos 200 metros T13 e na estafeta 4x100 T11-T13, nas quais quer continuar a dar o seu melhor e tentar novo recorde pessoal.

Nas eliminatórias dos 1.500 metros T11 os portugueses falharam a final, com Ricardo Vale a terminar a sua série em sexto e Nuno Alves a desistir.

Ricardo Vale considerou que a eliminatória até "correu bem", mas admitiu que o frio e o tempo de espera entre o aquecimento e a prova podem ter sido adversários de peso.

"Está muito frio e é muito difícil para nós começarmos a correr num ritmo bastante elevado. Depois de fazermos o aquecimento, estamos cerca de uma hora até chegar aqui e isso complica um bocado este tipo de provas mais rápidas", disse.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.