Preços do serviço postal universal dos CTT sobem em média 4,5% a partir de hoje

Preços do serviço postal universal dos CTT sobem em média 4,5% a partir de hoje

 

Lusa/AO online   Nacional   2 de Abr de 2018, 09:20

O novo tarifário dos CTT para o serviço postal universal entra esta segunda-feira em vigor, representando um aumento médio anual dos preços de 4,5% para envios de correspondências, encomendas, livros, jornais, publicações periódicas e correio editorial.

Por decisão de 23 de março, a Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) considerou que a proposta dos serviços que integram o serviço universal, apresentada pelos CTT - Correios de Portugal, por carta de 15 de fevereiro, "cumpre os princípios e critérios de formação dos preços aplicáveis", definidos pelo regulador em 21 de novembro de 2014.

A partir de hoje entra em vigor o novo tarifário, que representa um "aumento médio anual dos preços de 4,5% para o cabaz de serviços constituído pelos envios de correspondências, encomendas, livros, jornais, publicações periódicas e correio editorial".

Além disso, inclui também uma "redução média anual dos preços de 0,5% para os serviços reservados (serviços de citações e notificações postais)", refere a Anacom.

A título de exemplo, uma carta até 20 gramas enviada em correio normal custava 0,50 euros e passará a custar 0,53 euros.

Já nas notificações/citações, por exemplo, uma carta até 20 gramas tinha um custo de 2,31 euros e desce para 2,30 euros.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.