Preço mundial dos alimentos sofre ligeiro aumento de 1,4% em setembro

Preço mundial dos alimentos sofre ligeiro aumento de 1,4% em setembro

 

Lusa/AOonline   Economia   4 de Out de 2012, 10:56

Os preços dos alimentos no mundo sofreram um ligeiro aumento de 1,4 por cento em setembro, depois de dois meses de estabilidade, com base no preço do trigo e arroz, segundo o índice mensal de preços alimentares divulgado pela FAO.

Depois da alta nos preços dos grãos no mês de agosto, os preços dos cereais não aumentaram mais que um por cento em setembro graças à baixa do preço do milho, mas a carne (+2,1 por cento) e os produtos lácteos (+7 por cento) justificam o aumento do índice de três pontos em relação a agosto, a 263 pontos, explicou a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

A organização sublinhou, num comunicado, que está “preocupada” com as reservas de trigo devido às pequenas quantidades disponíveis para a exportação.

“As projeções mais recentes da FAO confirmam para 2012 a baixa da produção de cereais no mundo, que registou um nível recorde em 2011”, indicou a organização, avançando a perspetiva de uma redução de 2,6 por cento em relação ao ano passado.

“Isso deverá traduzir-se numa redução significativa de reservas de cereais no mundo até ao final da colheita em 2013”, na ordem de 28 milhões de toneladas para atender 449 milhões de toneladas, precisou a nota da FAO.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.