Papa recebe Putin em contexto de tensão na Ucrânia

Papa recebe Putin em contexto de tensão na Ucrânia

 

Lusa/AO online   Internacional   4 de Jun de 2015, 12:40

O Presidente russo, Vladimir Putin, vai ser recebido pelo papa Francisco na próxima semana, naquela que será a sua primeira visita ao Vaticano desde o início da crise na Ucrânia.

 

O porta-voz do Vaticano, Ciro Benedettini, indicou que Putin se reunirá com o pontífice argentino na tarde de 10 de junho.

O líder russo conheceu o papa Francisco no Vaticano em novembro de 2013, antes da anexação da península ucraniana da Crimeia pela Rússia, em março de 2014, e de o conflito que se seguiu no leste daquela ex-república soviética ter azedado as relações com o Ocidente.

O Vaticano adotou uma postura cautelosa em relação ao conflito entre as autoridades ucranianas e os rebeldes separatistas pró-russos no leste da Ucrânia, que tem conotação religiosa.

O papa manifestou publicamente a sua frustração sobre "uma guerra entre cristãos", mas não atendeu apelos de líderes da minoritária comunidade católica grega da Ucrânia para condenar firmemente a atuação da Rússia na Ucrânia.

O encontro com o chefe da Igreja Católica decorrerá no final da viagem de Putin a Milão para visitar a Exposição Mundial, anunciada na segunda-feira pelo Kremlin.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.