Euro/Crise

Obama apela à criação de barreira que impeça contágio da crise da dívida

Obama apela à criação de barreira que impeça contágio da crise da dívida

 

Lusa/AO online   Economia   28 de Out de 2011, 11:09

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, apelou à criação de uma barreira que bloqueie o contágio da crise da dívida soberana na zona euro e reforce a banca da região.
Num artigo no britânico Financial Times com o título “Uma barreira para impedir a crise europeia de se espalhar”, Barack Obama escreve que “é importante para todos que a estratégia [decidida por Bruxelas esta semana] seja implementada com sucesso, incluindo a construção de uma barreira credível que previna a crise de se espalhar, que reforce a banca europeia, defina um rumo sustentável para a Grécia e enfrente os problemas estruturais no coração da crise actual”.

A uma semana da reunião do grupo das 20 maiores economias, perante uma “recuperação global que se mantém frágil”, o presidente norte-americano afirmou que “a crise na Europa deve ser resolvida o mais rápido possível”, em particular devido ao facto de ser o maior parceiro comercial dos Estados Unidos.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.