Novo filme de Harry Potter é "tenebroso e pessimista" diz Vaticano


 

Lusa/AO online   Internacional   18 de Nov de 2010, 17:54

O Vaticano considera "Harry Potter e os talismãs da morte", que se estreia esta semana em todo o mundo, um filme "tenebroso e pessimista" e com falta de humor.
A rádio oficial da Santa Sé lamentou a estreia de um filme cujos protagonistas, as personagens Harry Potter, Hermione e Ron, estão demasiado "sozinhos e assustados para fazer frente aos inimigos".

"O último capítulo cinematográfico da saga mágica está repleto de um profundíssimo pessimismo, de uma espessa obscuridade e de falta de humor. Não tem jogos, não existe camaradagem nem surpresas divertidas", refere o crítico de cinema do Vaticano, Luca Pellegrini.

O órgão de informação defende, em contraponto, que é preciso recuperar "os sentimentos e as virtudes em sintonia com o coração humano".

"Harry Potter e os talismãs da morte", com realização de David Yates e direcção de fotografia do português Eduardo Serra, chega esta quinta-feira aos cinemas portugueses e é apenas a primeira parte da última história escrita por JK Rowling.

A segunda parte estreará em Julho de 2011.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.