Novas encomendas na construção com forte desaceleração no 1º trimestre

Novas encomendas na construção com forte desaceleração no 1º trimestre

 

Lusa/AO online   Economia   21 de Ago de 2014, 11:20

As novas encomendas na construção aumentaram 2,3% no segundo trimestre de 2014, face ao período homólogo anterior, registando uma forte desaceleração face ao crescimento de 66% no primeiro trimestre do ano, revela o índice do INE.

O índice do segmento de Obras de Engenharia, que passou de uma variação homóloga de 106% entre janeiro e março passados para uma queda de 6,3% no trimestre seguinte foi o grande responsável pela forte desaceleração do índice de encomendas na construção.

O segmento de Construção de Edifícios cresceu 9,8% no segundo trimestre, face ao mesmo periodo de 2013, quando no trimestre anterior tinha aumentado 21%.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.