Neve e ventos gelados provocam o caos em várias partes da Europa

Neve e ventos gelados provocam o caos em várias partes da Europa

 

Lusa/Açoriano Oriental   Internacional   6 de Jan de 2017, 11:36

Tempestades de neve assolaram várias partes da Europa, encerrando estradas e provocando caos no tráfego, acidentes, adiamento de voos e o cancelamento de dezenas de partidas nos comboios.

 

Na Roménia, um dos países mais afetados, as autoridades locais informaram que as principais autoestradas no sul e no leste do país ficaram intransitáveis devido à forte queda de neve. Mais de 40 comboios não saíram das estações devido à obstrução das linhas.

O responsável principal pelo serviço romeno de emergências médicas, Raed Arafat, indicou que 622 pessoas com necessidade de diálise e 126 mulheres grávidas foram sujeitas a transporte de emergência, noticiou a agência Associated Press.

A estação estatal de televisão sérvia deu conta de que 17 pessoas, incluindo seis crianças, ficaram feridas na sequência de um choque em cadeia causado pelo tempo invernoso nos arredores da cidade de Nis, no sul do país.

A queda de neve e o vento forte interromperam o trânsito no sul da Sérvia, onde a neve atingiu os dois metros de altura, fechando várias estradas.

Na Croácia, a queda das temperaturas congelou as águas em várias zonas ao longo da costa, e o vento forte levou ao cancelamento de várias carreiras de ferry para as ilhas no Adriático.

No Montenegro, o mau tempo levou também a perturbações semelhantes nos transportes e as autoridades aconselharam a população a manter-se em casa. Várias aldeias no país ficaram isoladas.

Na Alemanha, as temperaturas caíram abaixo dos -25º durante a noite, uma queda explicada pela passagem da tempestade “Axel” com ventos frios do Ártico.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.