Caso Madeleine

McCann vão agir criminalmente contra Gonçalo Amaral

McCann vão agir criminalmente contra Gonçalo Amaral

 

Lusa / AO online   Nacional   14 de Jan de 2010, 14:25

O casal McCann vai interpor uma acção criminal contra Gonçalo Amaral por alegada violação do segredo de justiça na reprodução de factos da investigação no livro “Maddie - A Verdade da Mentira” antes do despacho de arquivamento.
Isabel Duarte, advogada do casal McCann, disse esta quinta-feira que a acção de Kate e Gerry McCann será colocada “na próxima semana”, após extracção de certidão do julgamento de proibição do livro do ex-inspector da Polícia Judiciária (PJ), a decorrer no Palácio da Justiça, em Lisboa.

A advogada lembrou que ficou provado na sessão de quarta-feira que o livro, que defende a tese de envolvimento do casal McCann no desaparecimento da filha, em 03 de Maio de 2007, na Praia da Luz, no Algarve, foi concluído a 24 de Julho de 2008 na editora Guerra e Paz, também visada neste processo, juntamente com a TVI.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.