Segurança

Mário Mendes defende alterações à Lei de Segurança Interna


 

Lusa / AO online   Nacional   16 de Jul de 2010, 18:41

O secretário-geral do Sistema de Segurança Interna, Mário Mendes, defende alterações à Lei de Segurança Interna, tendo em conta que “é necessário” um "reforço efectivo" dos seus poderes de coordenação.
Numa entrevista à Antena 1 que será divulgada no sábado, Mário Mendes afirma que “é necessário dar maior conteúdo aos poderes de coordenação” do secretário-geral do Sistema de Segurança Interna (SSI).

Para Mário Mendes, a Lei de Segurança Interna “não dá poderes efectivos de coordenação” ao secretário-geral do SSI.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.