Mais de 130 mortos em acidente de avião onde viajava Presidente da Polónia

Mais de 130 mortos em acidente de avião onde viajava Presidente da Polónia

 

Lusa/Aonline   Internacional   10 de Abr de 2010, 14:44

O avião onde seguia o Presidente da Polónia e que se despenhou ao aterrar no aeroporto de Smolensk matou as 132 pessoas que viajavam a bordo, disse Serguei Markin, porta-voz do Serviço de Investigação da Procuradoria Geral da Rússia

Segundo este responsável, não sobreviveu nenhuma das 132 pessoas que viajavam a caminho das cerimónias fúnebres em memória das vítimas da matança de Katyn, em 1941.

“Estão a realizar-se as primeiras investigações. O número de mortos será precisado”, acrescentou.

O avião que transportava o Presidente da Polónia, Lech Kaczinski, despenhou-se ao aterrar no aeroporto de Smolensk, às 10 horas e 56 minutos (07 horas e 56 minutos em Portugal Continental).

O avião, um Tupolev-154 que fazia a ligação entre Varsóvia e Smolensk, despenhou-se nos arredores da cidade, de acordo com Irina Andrianova, porta-voz do Ministério para Situações de Emergência.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.