Governo togolês proíbe manifestação da oposição


 

Lusa / AO online   Internacional   9 de Mar de 2010, 16:52

O Governo togolês anunciou na segunda-feira que não está autorizada a manifestação convocada para esta terça-feira pela oposição, em protesto contra os resultados das presidenciais, que deram a vitória ao presidente cessante, Faure Gnassingbé.
"As manifestações na via pública não podem ser realizadas em dias de trabalho, porque perturbam a actividade", disse à AFP o porta-voz governamental, Pascal Bodjona.

Esta proibição, termo que Bodjona se recusou a pronunciar, deverá enfraquecer mais a oposição, que tentava mobilizar o seu eleitorado depois do anúncio dos resultados das presidenciais.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.