Sociedade

Governo promete apoios sociais a trabalhadoras da Cofaco

Governo promete apoios sociais a trabalhadoras da Cofaco

 

Olímpia Granada   Regional   9 de Fev de 2010, 16:53

As trabalhadoras da Cofaco da fábrica do Faial voltaram esta terça-feira à tarde a concentrarem-se frente ao Parlamento açoriano onde decorrem um debate de urgência sobre o desemprego nos Açores. Três membros do Governo Regional saíram à rua prometendo "apoio social"
Ana Paula Marques, à saída de um pequeno encontro com representantes das trabalhadoras da fábrica que a Cofaco decidiu encerrar, concentrando toda a mão-de-obra na ilha vizinha do Pico, revelou que a Secretaria do Trabalho e Solidariedade vai voltar a promover nova reunião na próxima quinta-feira. Acompanhada do secretário do Ambiente e do Mar, Álamo Meneses, e do subsecretário das Pescas, Marcelo Pamplona, a governante sublinhou porém que a Inspecção do Trabalho não detectou nenhuma ilegalidade no processo de deslocalização da unidade fabril do Faial.

Já o dirigente João Decq Mota, da União dos Sindicatos da Horta, declarou que os apoios sociais não resolvem o problema de fundo: o encerramento da fábrica.


Leia esta reportagem na íntegra na edição impressa do Açoriano Oriental de quarta-feira, dia 10 de Fevereiro de 2010

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.