Fayçal Cheffou detido e identificado como terceiro terrorista do aeroporto

Fayçal Cheffou detido e identificado como terceiro terrorista do aeroporto

 

AO/Lusa   Internacional   26 de Mar de 2016, 11:22

O Ministério Público belga anunciou hoje ter identificado Fayçal Cheffou, detido na sexta-feira, como o terceiro homem implicado nos atentados terroristas no aeroporto de Bruxelas e acusou-o de liderar atividades terroristas.

 

O detido seria "o homem do chapéu” visto em imagens do circuito interno do aeroporto de Zaventem com os dois bombistas suicidas.

O suspeito foi hoje acusado de liderar a participação em atividades de um grupo de terroristas, em atentados terroristas e em tentativas de atentados terroristas, revelaram os promotores do Ministério Público.

Fayçal Cheffou foi identificado pelo motorista de táxi que transportou o grupo terrorista ao aeroporto na terça-feira de manhã, e que o terá reconhecido numa fotografia, segundo o jornal Le Soir.

Numa busca realizada em casa de Fayçal Cheffou não foram encontradas armas ou explosivos.

Três explosões foram registadas na terça-feira em Bruxelas: duas no aeroporto internacional de Zaventem e uma na estação de metro de Maelbeek, junto às instituições europeias, no centro da capital belga. Pelo menos 31 pessoas morreram e outras 300 ficaram feridas nos ataques na capital belga, reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI).

 



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.