"Está na altura de percebermos que as ilhas não são todas iguais"

Carregando o video...

 

Rui Jorge Cabral   Regional   11 de Jul de 2016, 20:23

Economista Paulo Madruga defende uma política regional mais virada para a competitividade e realidade de cada ilha.

 

“A fase das políticas uniformes para as nove ilhas, pensadas a partir de estratégias organizadas fundamentalmente por setores de atividade, deve abrir espaço para soluções que permitam a expressão das diferentes vocações de ilha e de grupos de ilhas”afirmou o economista Paulo Madruga, hoje no Hotel Açores Atlântico, durante a conferência “Açores 2027 - Contributos para o Roteiro do Futuro”, organizada pelo Açoriano Oriental, em associação com a Rádio Açores/TSF, que retransmite a conferência na terça-feira, 12 de julho, pelas 10 horas. *

 

*Leia a reportagem completa sobre a conferência de Paulo Madruga no jornal Açoriano Oriental de terça-feira, 12 de julho de 2016.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.