Indonésia

Erupção do Merapi já causou 70 mortos


 

Lusa/AO online   Internacional   5 de Nov de 2010, 10:50

Pelo menos 70 pessoas morreram esta sexta-feira devido a nuvens de cinzas emitidas pelo vulcão Merapi, cujas erupções cada vez mais violentas estão a preocupar os cientistas e as autoridades.
A erupção que se iniciou hoje pouco depois das 00:00 foi a mais forte desde que o vulcão mais activo da Indonésia entrou em fase eruptiva a 26 de Outubro, indicou Surano, o vulcanologista encarregado de vigiar o Merapi.

Os serviços de socorros confirmaram 58 mortes ao início da tarde, mas as autoridades sublinham que este balanço é provisório porque “certas zonas estão inacessíveis devido à existência de fumos tóxicos”.

Desde 26 de Outubro, 113 pessoas morreram devido à erupção do Merapi, localizado a uma altitude de 2914 metros no meio de uma região extremamente populosa no centro da ilha de Java.

Mais de 100 000 habitantes já foram retirados das aldeias próximas do vulcão.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.