Epidemia de cólera já fez 643 mortos no Haiti


 

Lusa/AO online   Internacional   10 de Nov de 2010, 16:34

A epidemia de cólera que atinge o Haiti desde meados de Outubro já fez 643 mortos, estando cerca de 10 000 pessoas hospitalizadas, anunciou o Ministério da Saúde Pública haitiano.
O balanço oficial anterior colocava em 583 o número de mortos e referia mais de 9000 pessoas hospitalizadas.

Na terça-feira as autoridades sanitárias do Haiti registaram 46 mortes na zona da cidade de Gonaives, norte do país, onde terá tido origem a epidemia.

As autoridades haitianas receiam um novo pico da epidemia de cólera devido às inundações provocadas pela passagem do furacão Tomas, que atingiu o Haiti na sexta-feira.

Dados comunicados por organizações não-governamentais (ONG) referem que 1,3 milhões de haitianos, numa população total de 10 milhões, vivem em más condições de higiene em tendas nos campos de refugiados montados na sequência do sismo que devastou o Haiti em 12 de Janeiro.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.