Costa parte hoje para Nova Iorque para participar na Assembleia Geral da ONU

Costa parte hoje para Nova Iorque para participar na Assembleia Geral da ONU

 

Lusa/AO Online   Nacional   18 de Set de 2017, 10:10

O primeiro-ministro parte hoje para Nova Iorque, onde participará na 72.ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, fazendo na quarta-feira um discurso centrado nos valores do desenvolvimento sustentável e da defesa do ambiente.

O discurso de António Costa, que fará a sua estreia no debate geral anual entre chefes de Estado e de Governo, está previsto para as 11:30 locais (16:30 em Lisboa) de quarta-feira.

Acompanhado pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, António Costa chega a Nova Iorque hoje, a meio da tarde, participando logo depois num evento promovido pelo Fórum Económico Mundial.

Na terça-feira, o primeiro-ministro estará presente de manhã na receção de boas vindas e no almoço oferecido pelo secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, com quem se vai reunir a sós no dia seguinte.

Na agenda de António Costa para este dia, está a participação num evento promovido pelo Presidente de França, Emmanuel Macron, intitulado "Pacto ambiental" - um tema que será central na intervenção que fará no seu discurso de quarta-feira na sessão anual da Assembleia Geral das Nações Unidas.

Outros temas do discurso de António Costa, segundo fonte do Governo português, serão as questões do combate ao terrorismo e dos refugiados.

Durante a sua presença em Nova Iorque, o primeiro-ministro terá na terça-feira à tarde uma reunião ao nível de chefes de Estado e de Governo da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Fonte diplomática disse à agência Lusa que já confirmaram presença nesta reunião, também centrada nas questões do ambiente e dos oceanos, os presidentes do Brasil (Michel Temer), de Timor-Leste (Francisco Guterres Lu-Olo), da Guiné-Bissau (José Mário Vaz) e de São Tomé e Príncipe (Evaristo Carvalho), assim como os primeiros-ministros de Portugal e de Cabo Verde (Ulisses Correia e Silva).

De acordo com a mesma fonte, Angola e Moçambique deverão fazer-se representar na reunião pelos embaixadores dos respetivos países nas Nações Unidas.

Após este encontro ao nível da CPLP, já ao fim da tarde de terça-feira, António Costa poderá participar numa receção que será oferecida pelo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a chefes de Estado e de Governo presentes em Nova Iorque.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.