Transportes

Consórcio Via Porto assume a operação do Metro do Porto


 

Lusa / AO online   Economia   1 de Abr de 2010, 17:15

O consórcio Via Porto, liderado pela Barraqueiro, é o novo operador e responsável pela manutenção do Metro do Porto, sucedendo à Transdev que operava o metropolitano da Área Metropolitana do Porto (AMP) desde a sua inauguração.
O consórcio Via Porto, detido maioritariamente pelo grupo Barraqueiro, ganhou o concurso com um valor de contrato de 179 milhões de euros por um período de cinco anos, quando o valor de referência estabelecido no programa do concurso era de 265 milhões de euros.

A Lusa contactou o consórcio vencedor que "por falta de disponibilidade", na fase de transição, não esteve disponível para falar do novo negócio, mas, no dia da assinatura do contrato do concurso com a Metro do Porto, em Fevereiro, o administrador da Barraqueiro considerou que "o sistema do metro da AMP é já um bom sistema e tem possibilidade de melhorar em alguns aspectos".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.