Complemento solidário para idosos vai manter-se em 2011

Complemento solidário para idosos vai manter-se em 2011

 

Lusa/AO online   Nacional   9 de Dez de 2010, 16:54

O complemento solidário para os idosos vai manter-se em 2011, apesar das medidas de austeridade implementadas pelo Governo, garantiu esta quinta-feira, em Elvas, a ministra do Trabalho e da Solidariedade Social, Helena André.
“Em 2009, a taxa de pobreza na população idosa era de 22 por cento. Temos trabalhado para diminuir este valor, através da implementação do complemento solidário, em que aumentámos o rendimento mensal dos idosos em cerca de 30 por cento”, afirmou, assegurando que "este apoio vai manter-se em 2011”.

Helena André falava aos jornalistas, na cidade alentejana de Elvas, à margem da sessão de abertura do congresso comemorativo do IV aniversário da Rede Nacional de Cuidados Integrados.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.