Coliseu de Roma está a ficar inclinado

Coliseu de Roma está a ficar inclinado

 

Lusa/AO online   Internacional   30 de Jul de 2012, 16:11

O Coliseu de Roma, um dos monumentos italianos mais conhecidos, sofreu um desnivelamento de 40 centímetros no lado sul, revelaram hoje as autoridades italianas, antes do início dos trabalhos de restauro do anfiteatro construído no século I.

A causa provável desta inclinação são as “vibrações” provocadas pelo tráfego automóvel, pelo metropolitano e pelos helicópteros que passam diariamente pela zona do monumento, um dos mais visitados a nível mundial, indicaram fontes ligadas ao Coliseu.

Apesar do desnivelamento ter sido detetado pelos especialistas há cerca de um ano, os responsáveis pelo monumento optaram por só agora revelar a informação, uma vez que “não é preocupante”.

Segundo as mesmas fontes, nos últimos dois meses uma equipa de peritos tem vindo a medir com sensores o comportamento da estrutura para confirmar as causas desta inclinação e determinar uma possível intervenção.

Esta intervenção poderá ocorrer de forma independente aos trabalhos de restauro do monumento, que deverão começar brevemente, indicaram os responsáveis.

Sobre os trabalhos de restauro, o ministro do Património Cultural italiano, Lorenzo Ornaghi, dará mais pormenores na terça-feira durante uma conferência de imprensa conjunta com o empresário italiano Diego de la Valle, responsável pelo financiamento do projeto.

Durante o processo, cuja realização deverá prolongar-se por três anos, o Coliseu de Roma não irá interromper a sua atividade e poderá ser visitado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.