Autárquicas

Coligação CDS-PP/PPM candidata Bruna Almeida por Ponta Delgada


 

Lusa/AO Online   Regional   7 de Ago de 2017, 14:15

A gestora comercial Bruna Vasconcelos Almeida encabeça a lista da coligação CDS-PP/PPM que concorre à Câmara de Ponta Delgada, nos Açores, nas eleições autárquicas de 01 de outubro, foi hoje anunciado.


“Sentimos a necessidade de representar o nosso concelho. Acho que ainda há muito por fazer e apresentamos uma boa alternativa com uma equipa jovem e responsável e há que dar oportunidade aos jovens de representar o seu concelho e os cidadãos”, afirmou a candidata em declarações à agência Lusa.

Bruna Vasconcelos Almeida, 30 anos, filiada no CDS-PP falava após a entrega das listas no Tribunal Judicial de Ponta Delgada, ilha de São Miguel.

A candidata sublinhou que se trata de uma lista "jovem e dinâmica" para "lutar" pelo maior concelho dos Açores e pelas pessoas.

Bruna Vasconcelos Almeida disse que a candidatura será apresentada formalmente em breve, mas sublinhou que existem "vários focos" como prioritários na candidatura, nomeadamente "a situação do comércio local".

Quanto ao Partido Popular Monárquico (PPM) chegou a anunciar o empresário Rui Matos como candidato à Câmara Municipal de Ponta Delgada.

Rui Matos, que foi o último líder Partido Democártico do Atlântico (PDA), extinto em setembro de 2015 pelo Tribunal Constitucional, por não ter apresentado contas relativas a 2011, 2012 e 2013, é presidente da Associação de Comerciantes do Centro Histórico de Ponta Delgada, e militante do PPM.

Edgardo Madeira representante do PPM em São Miguel explicou à agência Lusa que "Rui Matos propôs-se voluntariamente para ser candidato", mas "mais tarde os dois partidos chegaram a um entendimento para colmatar uma lacuna profunda que existe em relação às forças de direita" e optaram por esta candidatura em coligação.

O representante do PPM em São Miguel acrescentou que o empresário Rui Matos é agora candidato "à assembleia municipal" com o grande objetivo de constituir "uma voz interventiva junto dos centros de decisões do município".

"O objetivo da coligação é que possamos contribuír cada um na sua própria individualidade para o progresso e estabilidade a vários níveis do concelho principal de São Miguel", acrescentou.

A Câmara de Ponta Delgada, o maior município do arquipélago, é liderada pelo PSD, que tem cinco dos quatro mandatos. Os restantes quatro são do PS.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.