China finaliza aeroporto em ilhas disputadas e faz aterrar avião

China finaliza aeroporto em ilhas disputadas e faz aterrar avião

 

Lusa / AO online   Economia   3 de Jan de 2016, 11:27

O Governo chinês confirmou que finalizou a construção de um aeroporto no recife Yongshu Jiao das ilhas Nansha (Spratly), tendo já feito aterrar um avião civil, motivando protestos do Vietname, um dos países que reclama soberania sobre o arquipélago.

 

O porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês, Hua Chunying, confirmou a aterragem e explicou que serviu de teste para o novo aeródromo e para comprovar que as suas instalações cumpriam os padrões da aviação civil, segundo a agência oficial Xinhua.

"A China tem soberania indisputável sobre as ilhas Spratly e águas adjacentes, e não aceitará acusações infundadas do Vietname", assinalou Hua, em resposta aos protestos que o voo gerou no Vietname.

As relações entre os dois países -- que na quinta-feira estabeleceram um "telefone vermelho" para estabelecer contacto direto em matérias militares -- atravessam um bom momento, pelo que a China espera que os laços sejam "sustentáveis, sãos e estáveis", acrescentou o porta-voz.

No sábado, o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros vietnamita, Le Hai Binh, acusou a China de violar a sua soberania e recentes acordos entre as duas partes com a aterragem do avião.

Outros países da região, como as Filipinas, Malásia, Brunei e Taiwan, também reclamam total ou parcialmente direitos sobre as ilhas Spratly, situadas no Mar do Sul da China.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.