Cerca de 800 imigrantes salvos durante a noite pela marinha italiana

Cerca de 800 imigrantes salvos durante a noite pela marinha italiana

 

Lusa/AO online   Internacional   21 de Jul de 2014, 12:40

Quatro navios salvaram cerca de 800 imigrantes durante a noite de dia 20 no Mediterrâneo, anunciou a marinha italiana, que encontrou também cinco cadáveres num navio de mercadorias.

 

"A embarcação Sfinge salvou 95 imigrantes, entre eles duas mulheres, a bordo de um bote insuflável, e o navio anfíbio San Giorgio socorreu duas embarcações, onde se encontravam 276 refugiados, sendo que 33 eram mulheres e 5 crianças", sublinha-se num comunicado da marinha militar.

Dois dos imigrantes em estado grave foram transportados de helicóptero para o hospital de Catane, na Sicília.

A fragata Zeffiro socorreu também três embarcações insufláveis, perfazendo um total de 294 imigrantes recolhidos, entre eles 28 mulheres e 9 menores, e o navio Urania socorreu outros 98 imigrantes, sendo que 28 eram mulheres, também a bordo de uma embarcação insuflável, acrescentou a marinha.

Por fim, "a fragata Zeffiro e a embarcação Urania, ajudadas por um helicóptero que descolou da ilha de Lampedusa, prestaram assistência a um barco insuflável prestes a afundar".

A marinha precisa que 1771 imigrantes foram salvos nos últimos dias em águas territoriais italianas, encontram-se a bordo das suas embarcações e esperam autorização do ministro do interior para desembarcarem em terra.

As chegadas de embarcações com imigrantes aumentaram fortemente nas últimas semanas devido a condições meteorológicas favoráveis e à ausência de controlo do fluxo migratório na Líbia.

Perto de 80.000 imigrantes chegaram à Itália este ano, numero que passa largamente o recorde de 63.000 estabelecido em 2011 devido à "Primavera Árabe", um movimento de revoltas populares no médio oriente e norte de África que começou na Tunísia em dezembro de 2010.

A maioria dos imigrantes que tentam chegar à Europa pelo mar vêm da Eritreia, da Somália e da Síria, mas alguns chegam também da Ásia e da África subsariana.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.