CDS-PP diz que Presidente quer compromissos para "além do próximo ato eleitoral"


 

AO/Lusa   Nacional   5 de Out de 2014, 13:41

O CDS-PP encontrou este domingono discurso de 5 de Outubro do Presidente da República, Cavaco Silva, um apelo a que os partidos do chamado "arco da governação" encontrem "compromissos para além do próximo ato eleitoral".

 

"Vamos pensar para além do próximo ano eleitoral, penso que é isso que todos queremos e foi isto que o senhor Presidente da República quis dizer. Vamos encontrar compromissos para além do próximo ato eleitoral", declarou a deputada e dirigente do CDS-PP Teresa Caeiro aos jornalistas.

Teresa Caeiro reagia ao discurso de Cavaco Silva, nos Paços do Concelho de Lisboa, no qual defendeu uma cultura de compromisso político por parte das forças políticas considerando que, caso contrário, há um risco de implosão do atual sistema partidário português.

"Se não houver essa política de entendimentos, de compromissos, estamos a alienar, a afastar, cada vez mais os eleitos e o interesse da sociedade em relação à política", afirmou a dirigente centrista.

"Penso que os partidos não saíram penalizados, isto é um apelo", frisou, considerando que o Chefe de Estado "teve um discurso muitíssimo lúcido e oportuno".

Para Teresa Caeiro, "em todas as sociedades democráticas tem que ser possível entre os principais partidos, os partidos com mais responsabilidade, que já foram chamados do arco da governação, sentarem-se à mesa".

A sustentabilidade da segurança social e do serviço nacional de saúde foram dois exemplos de áreas avançados pela dirigente do CDS-PP em que há necessidade de "pactos de regime".

Questionada sobre a vontade de repor os feriados, expressa mais uma vez pelos socialistas, hoje pela voz do presidente da Câmara de Lisboa, António Costa, Teresa Caeiro afirmou que aquilo que foi decidido foi "uma suspensão" e não uma eliminação.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.