Eleições Autárquicas

Candidato da CDU defende ações concretas para bairros sociais de Ponta Delgada

Candidato da CDU defende ações concretas para bairros sociais de Ponta Delgada

 

Lusa/AO Online   Regional   20 de Set de 2017, 18:25

O candidato da CDU à Câmara de Ponta Delgada defendeu hoje a necessidade de se valorizar os bairros sociais através de ações concretas por parte do município e governos dos Açores e da República.

“A Câmara Municipal de Ponta Delgada deve investir na valorização desses bairros e, por outro lado, exigir que o Governo Regional e da República assumam as suas responsabilidades, uma vez que muitos destes são da sua responsabilidade e não apenas da autarquia”, declarou à agência Lusa Rui Teixeira.

O candidato, que esteve hoje em campanha no bairro social da Piedade, na freguesia dos Arrifes, quer que as três entidades assumam um papel ativo junto dos moradores e famílias, propondo que se concerte com estes as soluções para os seus problemas.

O cabeça de lista às eleições autárquicas de 01 de outubro preconiza que, “no imediato”, a câmara municipal destaque meios humanos, desde logo arquitetos, engenheiros e técnicos de ação social, por exemplo, que “tenham a capacidade de dar a atenção a estes bairros com problemas específicos”.

“Se assim não for, os moradores, que também querem ser parte ativa, não vão ter capacidade para o fazer, sendo necessário os meios técnicos, humanos e também financeiros”, frisou o candidato.

O candidato declarou que os moradores dos bairros sociais são “colocados sem condições” e as habitações “têm graves problemas”, não havendo transportes públicos nem “condições para o desenvolvimento da pequena atividade económica” como o comércio, ou espaço para pequenas empresas, sendo os espaços de lazer como jardins ou parques infantis inexistentes.

Rui Teixeira considera que “é possível humanizar estes bairros em todo o concelho e dar às suas populações melhores condições para serem felizes”, afirmando que o voto na CDU, já em outubro, é a “garantia da mudança”.

“A Câmara Municipal de Ponta Delgada tem que exigir que o Governo Regional assuma a sua responsabilidade de reparação dos espaços que, muitas vezes, são construídos sem qualidade”, afirmou.

Rui Teixeira referiu que as empresas de construção civil que construíram estes bairros sociais “fizeram-no com um determinado orçamento feito pelo Governo Regional, verificando-se, mais tarde, problemas graves de humidade nas casas”.

São candidatos à Câmara de Ponta Delgada o atual presidente, José Manuel Bolieiro (PSD), Vítor Fraga (PS), Bruna Almeida (CDS-PP/PPM), Kol de Carvalho (BE), Rui Teixeira (CDU), Pedro Neves (PAN) e José Azevedo (Livre).



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.