"Bordões e Cevadeiras" em exposição no Museu do Franciscanismo

"Bordões e Cevadeiras" em exposição no Museu do Franciscanismo

 

Ana Carvalho Melo   Cultura e Social   5 de Jan de 2016, 16:07

Está patente no Museu Vivo do Franciscanismo, a exposição itinerante de símbolos identitários dos romeiros "Bordões e Cevadeiras", podendo ser visitada naquele local até 8 de janeiro.

A exposição, a cargo do Movimento de Romeiros de São Miguel (MRSM), promove a indumentária dos romeiros e percorrerá todos os concelhos de São Miguel, numa parceria com as diferentes autarquias.

A mostra apresenta três bordões e duas cevadeiras (ou sacas) por cada um dos 54 ranchos de romeiros e visa criar uma narrativa permanente que possa contar a história de modo a que, quem não conhece as romarias, fique a perceber a sua essência.

A iniciativa, que é organizada e coordenada pela equipa da cultura do Movimento de Romeiros de São Miguel, está igualmente a proceder à recolha de elementos áudio e vídeo junto dos vários ranchos para criar um acervo sobre as romarias. Além disso, estão a ser recolhidos objetos e artefactos que estejam relacionados com as romarias e com o próprio movimento.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.