Cartografia

Biblioteca Nacional adquire exemplar do mais antigo mapa de Portugal


 

Lusa / AO online   Nacional   11 de Ago de 2010, 18:12

A Biblioteca Nacional adquiriu um exemplar do mais antigo mapa de Portugal, datado de 1561, segundo nota divulgada esta quarta-feira pela instituição.
O exemplar, agora adquirido pela Biblioteca, foi impresso em Veneza a partir do manuscrito original de Fernandes Álvares Seco cujo paradeiro é desconhecido.

Do mapa original “Sebastiano di Re gravou e Michele Tramezzino, conhecido editor veneziano, preparou uma versão reduzida (36x66 cm), na escala de cerca 1: 1.340.000, impressa em Veneza mas difundida em Roma, com privilégio do Papa e do Senado de Veneza, datada de 20 de Maio de 1561”, explica a mesma nota.

O mapa original foi uma oferta do humanista português Aquiles Estaço ao cardeal Guido Sforza, em agradecimento pelo “seu empenho nos assuntos lusitanos”.

A oferta deu-se no reinado de D. Sebastião, quando o jovem rei nomeou Lourenço Pires de Távora embaixador junto do Papa em 1559, tendo cabido a Estaço redigir e ler a oração de obediência do monarca ao Papa Pio IV.

Do cartógrafo Fernando Álvares Seco “pouco ou nada se sabe” e do “mapa manuscrito original não se conhece o paradeiro”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.