Espanha

Banca e economia com mais riscos se desemprego não for resolvido


 

Lusa / AO online   Economia   13 de Abr de 2010, 11:45

O governador do Banco de Espanha alertou esta terça-feira que se o "gravíssimo e espanholíssimo" problema do desemprego não for resolvido, o risco para as entidades financeiras aumentará e a banca pode transformar-se num "obstáculo para a recuperação económica".
"Sem nenhuma dúvida, o maior risco que paira sobre as entidades de crédito espanholas, especialmente as menos diversificadas, é o desemprego massivo", afirmou Miguel Angel Fernandez Ordóñez.

Para o governador do Banco de Espanha, ou se avança rapidamente "e com o maior consenso possível" para uma reforma laboral, ou as "consequências de mais crédito malparado, menos negócio e maior endividamento público" continuarão a encarecer o crédito.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.