Ban Ki-moon pede moratória para testes nucleares

Ban Ki-moon pede moratória para testes nucleares

 

Lusa/AO Online   Internacional   26 de Ago de 2010, 11:23

O secretário geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, pediu uma moratória para todos os testes nucleares antes do Tratado para a Interdição Completa de Testes Nucleares (CTBT) entrar em vigor, disse hoje o seu representante especial.

Miroslav Jenca falava numa conferência internacional sobre desarmamento nuclear na capital do Cazaquistão, Astana.

A Rússia respondeu favoravelmente ao pedido.

“É importante providenciar uma moratória aos testes nucleares antes de o tratado entrar em vigor”, disse o embaixador russo no Cazaquistão, Mikhail Bocharnikov.

Apresentado em 1996, o CTBT já foi assinado por 165 países, mas apenas 91, incluindo a Rússia, o Reino Unido e a França, é que o ratificaram.

O tratado não entrará em vigor enquanto os 44 países mais avançados nuclearmente não o ratificarem e, até ao momento, apenas 34 é que o fizeram.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.