Economia

Atlânticoline registou aumento de 34% na receita da venda de bilhetes

Atlânticoline registou aumento de 34% na receita da venda de bilhetes

 

Lusa/AO online   Regional   10 de Nov de 2010, 10:50

A receita da Atlânticoline com a venda de bilhetes para o transporte marítimo de passageiros e viaturas nos Açores entre Maio e Outubro ascendeu a 2,8 milhões de euros, mais 34 por cento do que em 2009.
O presidente da empresa, Carlos Reis, considerou, numa conferência de imprensa em Ponta Delgada, que se trata de um “resultado verdadeiramente extraordinário”, que reflecte o cumprimento sem “falhas” do programa de viagens previamente estabelecido.

Apesar do crescimento das receitas, que deverão situar-se nos três milhões de euros, Carlos Reis reconheceu não ser possível perspectivar uma operação equilibrada, tendo em conta o contexto de prestação de serviços com tarifas reduzidas, nomeadamente para jovens.

Os dois navios com que a Atlânticoline operou este ano, cujo fretamento representou um encargo de 8,6 milhões de euros, garantiram o transporte entre as ilhas de cerca de 130 mil passageiros (mais 15,8 por cento do que em 2009) e de 18 200 viaturas (mais 17 por cento).

Em 2011, a Atlânticoline vai desenvolver uma operação semelhante à realizada este ano, utilizando as mesmas embarcações já contratadas, revelou Carlos Reis, acrescentando que esta opção se justifica no quadro da aposta em assegurar uma “operação estável” que perspective a “consolidação” e aumento da procura.

A Atlânticoline é uma sociedade anónima de capitais públicos criada pelo Governo Regional dos Açores para assegurar viagens por mar no verão entre todas as ilhas do arquipélago.

A empresa assegura também com uma embarcação própria viagens regulares entre as duas ilhas do Grupo Ocidental, Flores e Corvo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.